Humildade

12 set

Enquanto a compreensão do Antigo Testamento sobre humildade inclui inferioridade ou aflição, seu significado no Novo Testamento é, primeiramente, uma qualidade pessoal de dependência de Deus e respeito por uma outra pessoa. Humildade não é um instinto natural do ser humano; é uma virtude dada por Deus através de um viver consagrado.

A essência da mente de Cristo era a humildade e o amor sacrificial pelo próximo, enquanto a essência da degenerada mente humana. A vida de Jesus Cristo provê o  perfeito exemplo de humildade. Embora Ele tenha sido e seja a divindade eterna, Jesus se apropriou  da humanidade  com todos os atributos pessoais exceto a pecaminosidade . Dessa maneira, o crente deveria ter o cuidado de se humilhar para ser o que ele, de fato, precisa ser.

Durante um tempo em que o mundo grego repugnou a qualidade da humildade, Cristo veio como um Salvador humilde. Ele humilhou a si mesmo para tornar-se obediente à  vontade de Deus, a qual o conduziu a morte na cruz. Jesus estimulou seus seguidores a serem humildes perante e os seres humanos e a praticarem a humildade.

As escrituras prometem que a vontade de Deus exaltará aqueles que forem genuinamente humildes. Humildade não vem por si mesma, mas vem de Deus e resulta em louvor à Ele.

Devocional tirada da Bíblia da mulher. Editora Mundo Cristão.

 

Anúncios

Diga o que você achou!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: